English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

sexta-feira, abril 29, 2016

Voltaço lamenta que decisão da Taça Rio seja disputada fora da região

A diretoria do Volta Redonda FC lamenta a decisão de levar o clássico regional entre Voltaço e Resende, válido pela final da Taça Rio, para São Januário. De acordo com o vice de futebol tricolor, Flávio Horta Júnior, a decisão tirou o brilho da final, uma vez que tirou da região uma final inédita e que ficará marcada na história dos dois clubes.
– O Volta Redonda tentou de todas as maneiras trazer essa final para a região Sul Fluminense. Primeiro, sugerimos o Raulino, pela importância do jogo e por ser um local onde o Resende manda vários de seus jogos, inclusive pela Copa do Brasil. Esse pedido não foi aceito pelos representantes do Resende, o que nos trouxe certa frustração. Como não tivemos sucesso nesse pedido, falei que o Volta Redonda aceitaria então jogar no Estádio dos Trabalhadores, mesmo tendo a melhor campanha, pensando em prestigiar a nossa região, mas nesse caso houve impossibilidade devido as restrições técnicas do estádio para receber público acima de 900 pessoas. Diante deste cenário, não restou a Federação outra alternativa a não ser buscar um estádio para que a partida fosse realizada e, com as opções, certamente São Januário foi a melhor delas. Lamentamos o fato de uma região ter que se deslocar até o Rio de Janeiro para assistir uma final entre Volta Redonda e Resende. Entretanto, independentemente do local da partida, o Tricolor de Aço espera contar com o apoio do seu torcedor e, sem sombras de dúvidas, fará de tudo para voltar pra casa com a Taça Rio – afirmou o diretor tricolor, que ainda lamentou também o dia e o horário que a partida foi marcada.
– Nós também solicitamos que a final fosse antecipada para sábado, visando evitar de coincidir com o horário da final do Estadual entre Vasco x Botafogo, porém mais uma vez o Resende não aceitou e insistiu que o jogo fosse realizado no domingo – concluiu