English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

terça-feira, maio 17, 2016

​Concorrente do Whatsapp permitirá que usuário edite mensagem já enviada

Quem nunca se arrependeu por ter enviado uma mensagem de Whatsapp? Mas um rival do aplicativo trouxe inovação que nos permitirá encarar tal situação, e que talvez nos faça trocar nosso app de mensagens.O Telegram acaba de anunciar que seus usuários poderão editar suas mensagens após estas terem sido enviadas. A nova função pode ser ativada através de um toque na mensagem que deve ser editada. Após o procedimento ser feito, um pequeno ícone indicará as mensagens que foram alteradas.

100 MILHÕES DE USUÁRIOS
Atualmente, o Telegram possui  100 milhões de usuários, com uma média de 350 mil se juntando a ele todos os dias, e com um fluxo de 15 bilhões de mensagens por dia. Entretanto, a nova função pode fazer com que estes números subam ainda mais.

Na seção de perguntas e respostas da página do Telegram está escrito: "o Telegram não é um projeto comercial e não há nenhuma intenção de oferecer anúncios ou ter lucro."Enquanto isso, o WhatsApp continua sua política de pagamento de US$ 0,99  por ano, embora muitos usuários recebam renovações da assinatura sem fazer nada.

"OPÇÕES NÃO ESSENCIAIS"
O Telegram parece posicionar-se perto do LINE e seus micropagamentos mas, ao invés de vender stickers - recurso não previsto - possibilita o pagamento de "opções não essenciais". O tempo dirá quais são as "opções não essenciais".http://tnonline.uol.com.br/noticias/cotidiano/67,373243,16,05,concorrente-do-whatsapp-permitira-que-usuario-edite-mensagem-ja-enviada.shtml?cmpid=fb-uolnot