English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

sábado, julho 23, 2016

Parlamento Juvenil do Mercosul -Inscrições Abertas

O Ministério da Educação do Brasil (MEC), por meio de sua Assessoria Internacional do MEC e com o apoio com apoio da Secretaria de Educação Básica do Ministério da Educação (MEC), do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), das instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, além das Secretarias Estaduais de Educação de todo o Brasil e do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), têm o prazer de divulgar o EDITAL PARLAMENTO JUVENIL DO MERCOSUL 2016-2018.
Diante disso, convidam os jovens a participarem do processo seletivo que culminará na eleição dos 27 Parlamentares Juvenis do MERCOSUL.

O que é o Parlamento Juvenil do MERCOSUL?
O Parlamento Juvenil do MERCOSUL (PJM) busca promover o protagonismo juvenil, contribuindo para a integração regional dos jovens parlamentares que, após discussões conjuntas, acordam e recomendam a adoção de políticas educativas que promovam uma cidadania regional e uma cultura de paz e respeito à democracia, aos direitos humanos e ao meio ambiente.
O jovem eleito para representar sua Unidade da Federação e o Brasil no PJM tem mandato de dois anos e, durante esse período, participa ativamente do processo de elaboração e divulgação da Declaração do Parlamento Juvenil, documento produzido pelo coletivo do PJM, composto pelos parlamentares juvenis de todos os países-membros e associados.
Objetivo
O principal objetivo do projeto é favorecer e promover o protagonismo juvenil, abrindo espaço para diálogos e discussões acerca de temas vinculados à educação, como: inclusão educativa, participação cidadã, direitos humanos, diversidade de raça, etnia e gênero, integração regional e trabalho. Assim, voltados para o tema principal – O ensino médio que queremos –, os jovens elaboram propostas que abordam as necessidades e anseios comuns ao MERCOSUL.
Além disso, o Parlamento Juvenil do MERCOSUL oferece aos jovens uma oportunidade de expandir seus horizontes, ao mesmo tempo que fortalece o processo de integração, garantindo à nova geração a possibilidade de ser ouvida e de exercer ativamente a cidadania.
Quem pode participar?
Estudantes de escolas públicas que estejam matriculados (as) e frequentando regularmente o 1º ou 2º ano do ensino médio regular ou ensino técnico integrado ao ensino médio em escolas públicas da rede estadual ou federal. Além disso é preciso:
  • Ter boa atuação escolar (frequência, conduta e rendimento);
  • Adaptar-se facilmente à convivência com jovens de diferentes culturas e crenças religiosas;
  • Ter disponibilidade e autorização dos pais para realizar viagens nacionais e internacionais, todas acompanhadas pelo MEC.
Como participar?
O jovem interessado em se tornar um PARLAMENTAR JUVENIL DO MERCOSUL deverá elaborar um projeto autoral de protagonismo juvenil e encaminhá-lo à Secretaria de Educação do seu Estado, Distrito Federal ou a uma Instituição da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, juntamente com os demais documentos solicitados neste edital;
Cada Secretaria Educação e Instituição da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica realizará uma pré-seleção dos melhores projetos recebidos, com base em critérios predefinidos pelo Ministério da Educação (MEC);
O MEC abrirá o período de seleção nacional, por meio de um processo democrático eleitoral, para eleição dos parlamentares juvenis do MERCOSUL para o mandato de 2016 a 2018;
Ficou interessado?
Acesse o EDITAL e participe!