English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

quinta-feira, setembro 15, 2016

Orquestra Sinfônica de Barra Mansa e Simone Leitão retomam turnê de sucesso com concertos em São Paulo


Tour Orquestral passa por Lorena e São Paulo nesta semana, sob regência do maestro Alastair Willis, e inclui concerto didático para alunos de escola pública.

Após mais um concerto de sucesso de sua temporada oficial, desta vez exaltando a música brasileira, a Orquestra Sinfônica de Barra Mansa -OSBM- se prepara para mais um desafio. Começa esta semana o Tour Orquestral, com a OSBM, sob regência do maestro Alastair Willis, e a pianista Simone Leitão. As apresentações acontecem entre os dias 16 e 19 de setembro, em Lorena e São Paulo, com entrada franca.
Na sexta-feira, 16 de setembro, a cidade de Lorena, em São Paulo,  recebe o Tour Orquestral. O concerto acontece  no Teatro Teresa D´Ávila, a partir das 19 horas. Em seguida, o Tour Orquestral parte para São Paulo. As apresentações na capital paulista acontecem na Sala São Paulo. No domingo, 18, o concerto inicia às 11h e na segunda,19 de setembro, acontece a partir de 10h. 
O concerto de domingo integra a série Concertos Matinais 2016, produzida pela Fundação OSESP. Na segunda-feira, o concerto será exclusivo para 800 alunos do Ensino fundamental da rede pública municipal de São Paulo. Durante este concerto, a pianista Simone Leitão e o maestro Alastair Willis conversam com os alunos sobre o funcionamento de uma orquestra e o programa interpretado.
Os concertos da turnê têm quatro obras em seu repertório, que faz uma viagem ao mundo com composições de diversas nacionalidades. Catedral da Luz, de Alexandre Schubert, foi estreada pela Orquestra Sinfônica de Barra Mansa em julho de 2015. Rachmaninoff  é representado no concerto por meio de sua composição “Rapsódia Sobre um Tema de Paganini em lá menor, Op. 43”, considerada uma obra de difícil execução. “Rhapsody in Blue”, de Gershwin, traz a mistura da música clássica com o jazz para o concerto e “Estância”, do argentino  Alberto Ginastera, completa a apresentação com um retrato da vida nas estâncias argentinas, nas fazendas de gados dos pampas.
A primeira edição do Tour Orquestral aconteceu em 2013, quando Simone Leitão e a OSBM, regida pelo taiwanesa Apo Hsu e o brasileiro Guilherme Bernestein,  se apresentaram  por diversas cidades brasileiras. A turnê  se tornou a base do documentário "Pare Olhe e Escute", dirigido por Katia Lund. O filme mostra a transformação de Barra Mansa com a chegada do Projeto Música nas Escolas, da qual a orquestra faz parte. 
Nesta edição do Tour Orquestral, a regência fica a cargo do maestro norte-americano Alastair Willis, que em dois momentos já esteve no Brasil especialmente para dirigir a OSBM. O maestro é  diretor musical da Orquestra Sinfônica de Illinois. Anteriormente, foi regente associado da Sinfônica de Seattle e diretor musical da Sinfônica Jovem de Cincinnati. Alastair atua intensamente, também, como regente convidado de dezenas de orquestras ao redor do mundo – da Sinfônica de Chicago à Orquestra Sinfônica Brasileira, da Filarmônica de Nova York à Orquestra Sinfônica de Barra Mansa (em 2010 e 2012). Sua gravação de “L’Enfant et les Sortilèges”, de Ravel, com a Sinfônica de Nashville foi indicado ao prêmio Grammy como melhor álbum clássico de 2009.
A pianista Simone Leitão, idealizadora do Tour Orquestral, tem uma carreira ativa nas Américas, Europa e Ásia e é uma das pianistas brasileiras mais atuantes do atual cenário nacional. Leitão mantém uma agenda internacional frequente e se apresenta nas principais salas, entre elas Carnegie Hall, Sala Cecília Meireles e Sala São Paulo. Já trabalhou como solista ao lado das orquestras Miami Symphony, Amazonas Filarmônica, Neojibá, Sinfônica Heliópolis, Filarmônica do Espírito Santo e Sinfônica de Barra Mansa, com a qual esteve sob a batuta dos maestros Eduardo Marturet, Ricardo Castro, Apo Hsu, Daniel Guedes, Guilherme Bernstein, Helder Trefzger e Luiz Fernando Malheiro.

Orquestra Sinfônica de Barra Mansa e a interiorização da música erudita no Estado do Rio de Janeiro
A OSBM é um dos principais conjuntos do Projeto Música nas Escolas, formada por monitores e alunos avançados. Há dez anos promovendo a interiorização da música clássica no Estado do Rio de Janeiro, a OSBM realiza anualmente sua temporada oficial na Igreja Matriz de São Sebastião, em Barra Mansa. Os solistas e maestros que atuam em seus concertos realizam aulas para os músicos da orquestra, aprimorando seus conhecimentos e enriquecendo a capacidade técnica da OSBM.
O Projeto Música nas Escolas de Barra Mansa, da qual a OSBM faz parte, atende a todas as escolas públicas municipais da cidade com processo de educação musical que inicia na educação infantil e se estende a todas as séries. Desde o início, o Projeto é mantido pela Prefeitura de Barra Mansa, numa ação conjunta da Secretaria Municipal de Educação e da Fundação de Cultura. A gestão administrativa é feita pela Associação da Orquestra Sinfônica de Barra Mansa. Além disso, o Projeto é patrocinado pela Saint-Gobain, Votorantim, Instituto CCR e CCR  NovaDutra e White Martins, através da Lei de Incentivo à Cultura – Lei Rouanet, do Ministério da Cultura. Também patrocinam o projeto a Light, o Governo do Rio de Janeiro, a Secretaria de Estado de Cultura e a Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Rio de Janeiro.


Serviço:
Tour Orquestral em Lorena
Data: 16de setembro (sexta)  
Horário: 19h
Local: Teatro Isabel D´Ávila
Endereço: Av. Dr. Peixoto de Castro, 539 – Lorena/SP
Tour Orquestral em São Paulo
Data: 18 de setembro (domingo) 
Horário: 11h
Data: 19 de setembro (segunda-feira) 
Horário: 10h
Local: Sala São Paulo
Endereço: Praça Júlio Prestes, 16 – Campos Elíseos –São Paulo/SP

Regência: Maestro Alastair Willis
Solista: Simone Leitão, piano
Programa:
Catedral de Luz, Alexandre Schubert
Rapsódia sobre um tema de Paganini em lá menor, Op. 43, Rachmaninoff
Estância, Alberto Ginastera
Rhapsody in Blue, Gershwin