English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

quarta-feira, novembro 09, 2016

Como presidente eleito, Trump elogia Hillary e faz apelo por união do país

Em seu discurso de vitória na madrugada desta quarta-feira (9), o presidente eleito dos EUA, Donald Trump, se comprometeu a "renovar o sonho americano" e fez um apelo para a união do país. "Serei o presidente de todos os americanos e isso é muito importante para mim".
Trump se desculpou pela demora no discurso de vitória. "Negócios complicados", disse.
De acordo com Trump, a candidata democrata, Hillary Clinton, que não discursou, telefonou para conceder a derrota. "Acabei de receber um telefonema de Hillary Clinton. Ela nos parabenizou por nossa vitória. E a parabenizei e a sua família por uma campanha muito dura. Ela lutou muito bem. Hillary trabalhou muito e durante um longo período, e nós temos uma grande dívida de gratidão com ela por nosso país."
"Para aqueles que optaram por não me apoiar, estou estendendo a mão para a sua orientação e ajuda para que possamos trabalhar juntos para unificar nosso grande país", disse Trump, em um apelo também pela união de seus críticos, principalmente dentro do Partido Republicano.
"A todos os republicanos, democratas e independentes nesta nação lhes digo que é momento que nos reconciliemos como um povo unido", afirmou.http://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2016/11/09/trump-discursa-como-presidente-eleito-dos-eua-hillary-nao-admite-derrota.htm