English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

terça-feira, janeiro 17, 2017

Guarda Municipal e Policia Militar realizam operação conjunta na área da Edimetal



No local foram detidos dois suspeitos

Pela terceira vez em menos de 15 dias, o comando da Guarda Municipal de Barra Mansa foi acionado para conter uma invasão na área da antiga Edimetal, localizada entre o bairro Vila Maria a Via Dutra. Numa operação conjunta com a Polícia Militar, a equipe esteve no local, que é uma área pública, e encontrou dois homens fazendo demarcação de terras. Dois jovens, de 18 anos, faziam uso de entorpecentes no antigo galpão da empresa. Com eles, foi encontrada uma motocicleta Honda 125, com chassi raspado, ano, cor e placa adulterada. Os rapazes, que estavam sem qualquer tipo de documento, foram encaminhados juntamente com a moto para a 90ª DP. A operação contou ainda com apoio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

De acordo com o comandante da Guarda Municipal,Joel Valcir Pereira, é necessário e urgente realizar algumas intervenções a fim de impedir ou dificultar a entrada de pessoas na localidade. “Precisamos demolir o que restou da empresa e fechar o acesso ao local, que está destinado à implantação de um condomínio industrial”, explicou o comandante, destacando que o flagrante dos dois jovens evidenciou que o local está sendo utilizado como ponto para uso de drogas.

Valcir acredita que as invasões podem não ter cunho social. “Recebemos informações de pessoas que estão no grupo de invasores e que possuem imóveis no bairro Vila Maria. Isso é muito sério e precisa ser investigado”.Neste início de janeiro, outras duas localidades sofreram ações de invasão, os bairros Paraíso de Cima e Santa Maria II.

Integrantes da GM detalharam que o que restou dos imóveis foi depredado e que telhas, vigas e fios de cobre foram furtados do local. O terreno da antiga Edimetal foi adquirido há três anos, através de parceria entre os Governos do Estado e do município pela quantia de R$ 12 milhões.