English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

quinta-feira, janeiro 19, 2017

Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres de Volta Redonda apresenta projetos para as representantes de associações de moradores


Prefeito fez questão de participar do encontro e se emocionou em vários momentos

Com o objetivo de apresentar às representantes das associações de moradores de Volta Redonda os projetos existentes na secretaria municipal de Políticas Públicas para Mulheres e a estrutura do espaço, a secretária da pasta, Dayse Penna, realizou nesta quinta-feira, dia 19, o Café Mulher. O evento contou com a presença do comandante da Guarda Municipal Paulo Henrique Dalboni; da presidente da Fundação Beatriz Gama, Cláudia Dornellas; e da vereadora Rosana Bergone. A surpresa ficou por conta da presença do prefeito Samuca Silva, que fez questão de comparecer ao café.
"O Samuca estar aqui é super importante, mostra que o poder público se preocupa com a mulher e quer tomar medidas para melhorar as políticas públicas. Precisamos de harmonia com todos. O prefeito estando aqui nesse primeiro evento oficial, indica que ele está do nosso lado nessa luta", afirmou a secretária.  
Samuca falou do seu comprometimento com a secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres e garantiu que pretende torná-la uma super secretaria que possa atingir mais pessoas "Fiquei muito emocionado. A energia das pessoas que estão aqui e do local é muito boa. Deixo claro meu comprometimento com a secretaria e pretendo ampliar para que ela atenda também igualdade racial, diversidade, atendimento aos deficientes físicos e à terceira idade. Sei da importância desse local e do quanto as mulheres precisam disso", garantiu o prefeito. 
A secretaria conta com estrutura para recepcionar a mulher que sofreu algum tipo de violência, passando por atendimento jurídico e psicológico e, em casos mais graves, a Casa Abrigo - um serviço de atendimento sigiloso de acolhimento à mulher que tem risco iminente de morte e pode ser encaminhada aos órgãos de proteção à mulher "A casa foi montada para esse atendimento. A mulher pode levar seus filhos. Queremos que o processo de prevenção seja eficaz. Caso isso não aconteça, vamos abraçar e acolher essa mulher”, comentou Dayse.
O projeto ‘Patrulha Maria da Penha’ é pioneiro na região e conta com a participação da Guarda Municipal de Volta Redonda. Segundo a guarda Romaneli, a patrulha tem como função ajudar a manter a segurança de mulheres que já têm medidas protetivas da Lei Maria da Penha. "A patrulha é uma forma de coibir o homem que ronda a casa dessa mulher. Ela passando na rua e na comunidade, informa que ali tem segurança", contou.https://mg.mail.yahoo.com/neo/launch?.rand=6tammrssgh06q#4542098978