English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

quarta-feira, fevereiro 22, 2017

Reformulação de telecentros facilitará ingresso de jovens e adultos mais preparados para o mercado de trabalho

Reformulação de telecentros facilitará ingresso de jovens
e adultos mais preparados para o mercado de trabalho
Aulas começam em abril e projeto oferecerá diversas oficinas

As 28 unidades de Telecentros, que estão instaladas em 25 CRAS, no Memorial Getúlio Vargas e no CEDERJ(Centro de Educação Superior à Distância do Estado do Rio de Janeiro) - nos bairros Aterrado e Retiro - vão passar por reformulação. O anúncio foi feito pelo vice-prefeito e secretário municipal de Ação Comunitária, Maycon Abrantes, e pelo novo coordenador dos Telecentros, que são ligados ao programa do governo federal Telecentros.BR, Marlos Guerra.
Durante uma reunião, na última semana, o secretário recebeu o projeto do Novo Telecentro, com metodologia; cronograma; atualização da estrutura das salas, parcerias, recursos e público-alvo. Em parceria com a Empresa de Processamento de Dados (EPD), está sendo realizado o georedimensionamento de informações de todos os CRAS/telecentros, para otimização e acesso à internet.
Nos novos telecentros haverá oficinas de inclusão digital para a terceira idade, capacitação e formação de alunos/usuários para o mercado de trabalho - com cursos básicos de internet e oficinas avançadas de informática, além de cursos profissionalizantes, como manutenção de microcomputadores e programação web.
Segundo Maycon, as oficinas começarão em abril e serão voltadas para todas as idades. “Haverá uma atenção importante com todos os alunos, mas especialmente com o ingresso e reingresso de jovens e adultos com melhor qualificação, para o mercado de trabalho, que está cada vez mais exigente”, disse o secretário.