English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

sábado, junho 24, 2017

Prefeitura de Volta Redonda lança modelo de PPA Participativo inovador no país


Prefeitura de Volta Redonda lança modelo
de PPA Participativo inovador no país
I Fórum do Plano Plurianual Participativo foi realizado
neste sábado e teve grande adesão da sociedade

A secretaria municipal de Planejamento de Volta Redonda realizou neste sábado, dia 24, no auditório da UGB (Centro Universitário Geraldo Di Biase), o I Fórum do Plano Plurianual Participativo. O modelo, que uniu participação da sociedade no evento com acessos digitais, é pioneiro no Brasil. 

"O que a gente mais via eram discussões fechadas entre os técnicos. O que estamos fazendo em Volta Redonda é abrir essa grande e importante caixa, que é o PPA, para que a sociedade tenha a maior participação possível, tanto presencial como por meio de acessos digitais", comentou o secretário de Planejamento Júlio Andrade. 

E a iniciativa deu certo: foram mais de 1.600 participações pelos canais dígitos apontando problemas e sugerindo soluções. Além das participações presenciais no Fórum que produziram muitas outras diretrizes. 

Professores, estudantes universitários e representantes de associações de moradores debateram, fizeram críticas, cobraram, mas acima de tudo, apontaram soluções para Volta Redonda. 

"Estou muito feliz por participar desse momento histórico para Volta Redonda. Não imaginava que isso fosse ocorrer um dia. Mas esse dia chegou e a sociedade está construindo, junto com o poder público, seu futuro. É maravilhoso estar aqui", comentou emocionado Carlos Alberto de 48 anos, presente no Fórum. 

O prefeito Samuca Silva, que abriu o Fórum ao lado do vice-prefeito Maycon Abrantes, se disse orgulhoso por estar à frente de um governo que proporciona cada vez mais o diálogo e a participação da sociedade nas decisões da cidade. 

"Estamos conseguindo resgatar o senso crítico em Volta Redonda. Esse é nosso principal objetivo aqui hoje. Estamos arrumando a casa e a participação da sociedade, nesse momento,  é muito importante. Estamos investindo muito  na saúde e na geração de empregos. O diálogo e a transparência são fundamentais, por isso estamos realizando o PPA participativo. Juntos,  vamos apontar  as prioridades que Volta Redonda precisa”, enfatizou o prefeito.    

Também presente no Fórum, o vereador Edson Quinto, representando o legislativo, elogiou a iniciativa da prefeitura. 

“Cada dia que passa a gente vê uma melhora na cidade, que a gente não via no passado. É um momento histórico, com intensa participação e isso é muito bom para todos nós", comentou o vereador.


Nove Grupos se reuniram em salas separadas e
 discutiram temas essenciais para Volta Redonda


Logo após as três palestras: “Possibilidades e Limites da Participação contemporânea”, realizada pelo professor Virgílio Oliveira, de Juiz de Fora; “Participação Democrática e Internet", por Júlio Andrade e “PPA Digital e o Resultado da Experiência em Volta Redonda”, ministrada por Enock Azevedo, os mais de 350 participantes se dividiram por temas de interesse, debateram os assuntos e fecharam sugestões. Temas: Educação; Emprego, Renda e Turismo; Saúde; Cultura; Meio Ambiente e Saneamento Básico; Mobilidade, Habitação e Planejamento Urbano; Funcionalismo Público, Transparência e Participação Social; Infraestrutura Urbana e Segurança Pública. 

"Devemos participar sempre desta e de outras iniciativas, para garantir o controle social, a participação popular através das associações de moradores, observando a qualidade dos serviços e o avanço da cidade", comentou a presidente da FAM (Federação da Associação de Moradores de Volta Redonda), Fátima Martins. 

A parte social do evento ficou por conta da Orquestra de Cordas de Volta Redonda, coordenada pela Maestrina Sarah Higino.