English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

domingo, julho 09, 2017

Rodrigo Drable destaca Planejamento Participativo no PPA 2018/2021



Secretários, gestores, diretores de autarquias participaram de encontro para a implantação de programas e ações que serão planejadas para Plano Plurianual

O prefeito Rodrigo Drable abriu na manhã desta sexta-feira, dia 7, no Parque Natural Ambiental de Saudade, o I Seminário de Planejamento do PPA 2018/2021. Organizado pela Secretaria Municipal de Planejamento Urbano, o evento reuniu secretários, gestores, diretores de autarquias e servidores públicos para a implantação dos programas que irão compor o Plano Plurianual (PPA).

Para o prefeito Rodrigo Drable, o PPA irá nortear as ações do governo para os próximos quatro anos evidenciando a realidade financeira e econômica de Barra Mansa. 

O secretário de Planejamento Urbano, Jorge Melhem, explicou que o PPA é a peça mais importante do Planejamento Orçamentário do município e que nele estarão definidos o princípio fundamental e os macro objetivos do governo para os próximos 4 anos, que serão desdobrados em Programas, Ações, Projetos ou Atividades. “Inclusive onde serão alocados os recursos para cumprimento das metas e prioridades que serão estabelecidas nas respectivas Lei de Diretrizes Orçamentárias e Leis Orçamentárias Anuais”.

Melhem ressaltou ainda que todos os órgãos municipais receberam orientações para a formatação de seus respectivos programas. “Durante o mês de julho serão realizadas oficinas para a formatação dos respectivos programas compatibilizando os recursos.”

Planejamento Participativo é meta do governo

O secretário de Planejamento Urbano disse que a melhor forma de atingir e fortalecer a governabilidade será por meio da criação de um Programa de governo específico para implantação de um Planejamento Participativo. “É esse mesmo modelo que a cidade já experimentou com sucesso num passado recente. Através dele vamos destinar parte dos recursos financeiros cuja destinação será indicada com a constituição de um colegiado de delegados que serão eleitos pela comunidade, em todas as regiões administrativas.”

Jorge lembrou ainda que a participação popular é uma das ferramentas mais eficazes para a consolidação da democracia. “Nesse formato é possível percorrer todo município através de um colegiado de delegados capazes de garantir a representatividade de todas as regiões administrativas. Nesse colegiado serão discutidos todos os projetos de interesse de cada região, que serão posteriormente compatibilizados com o montante de recursos destinados no orçamento”, completou Melhem.         

O PPA estabelece as Diretrizes, Objetivos e Metas a serem seguidas pela administração pública no período de quatro anos e que, segundo Melhem, devem ser revisadas a cada ano.