English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

quinta-feira, agosto 03, 2017

Ronda Escolar flagra suspeitos por tráfico de drogas em porta de escola



Agentes da Guarda Municipal e Polícia Militar apreenderam jovens vendendo maconha para menores


A equipe da Ronda Escolar, formada por agentes da Guarda Municipal e da Polícia Militar, realizou um flagrante de tráfico de drogas, na noite de ontem, na porta do CEI (Centro Educacional Integrado). Os agentes abordaram cinco suspeitos, dois de 18 anos e três de 17 anos, e encontraram 36 cigarros e duas trouxinhas de maconha. Os menores foram apreendidos no ato infracional e os maiores receberam voz de prisão por flagrante de tráfico de drogas.



A Ronda Escolar é feita todos os dias no município, das 7 às 22 horas e atende todos os colégios municipais e estaduais, seguindo um roteiro diário. De acordo com o comandante da Guarda Municipal, Joel Valcir, o trabalho é feito para proporcionar mais segurança aos alunos e professores. “Trabalhamos para conter a violência e o tráfico de drogas na porta das escolas, garantindo tranquilidade para a população”, afirmou Valcir.



Segundo o comandante, o tráfico de drogas nas escolas, tanto externo, quanto interno, já foi levado ao Ministério Público pra que exista um apoio maior no combate. Ele afirmou também, que a parceria com a Polícia Militar faz toda a diferença no trabalho, mas que ainda é de extrema importância que os pais fiquem mais atentos ao dia a dia de seus filhos.



“Estamos tentando de todas as formas. O impacto do tráfico de drogas nas escolas é grande e recorrer ao Ministério Público foi uma forma que encontramos de reforçar a ação. Através da parceria com a Polícia Militar somamos forças para atender todas as demandas dos colégios estaduais e municipais, mas os pais precisam nos ajudar, monitorando seus filhos em casa, nas redes sociais e nas escolas”, finalizou Valcir.