English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

terça-feira, março 07, 2017

CODEC BM se reúne com prefeito Rodrigo Drable



Os conselheiros do CODEC BM (Conselho de Desenvolvimento Econômico de Barra Mansa) se reuniram no dia 02 de março, com o prefeito Rodrigo Drable, em seu gabinete. O encontro, que durou cerca de duas horas, contou também com a presença do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Agnaldo Raimundo. Entre os assuntos debatidos estiveram estacionamento rotativo, segurança pública, coleta de lixo e pátio de manobras.

Com relação ao estacionamento rotativo de veículos nas ruas do Centro e Ano Bom, Drable informou que, no prazo aproximado de 30 dias, um novo sistema será implementado na cidade. “Vamos usar o mesmo modelo da prefeitura do Rio de Janeiro, com a venda de tíquetes. Cerca de 40 pessoas estarão nas ruas com talões para venda”, anunciou o prefeito.

Já sobre o sistema de monitoramento das vias por câmeras, ele disse que o contrato com a empresa responsável pela instalação e manutenção dos equipamentos já foi reestabelecido. “As 72 câmeras instaladas em diversos pontos da cidade estão em pleno funcionamento”, explicou Rodrigo, ressaltando que a prefeitura vai adquirir dois quadriciclos para realizar rondas no Ano Bom e Centro.

Outro tema discutido no encontro foi sobre a coleta de lixo no município. Segundo levantamento do Saae BM (Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Barra Mansa), são gastos cerca de R$ 200 mil por mês com a coleta de resíduos de grandes produtores, como supermercados. “A legislação federal regulamenta que os municípios são responsáveis por coletar até 100 litros de lixo/dia por unidade. Quem ultrapassa esse montante deve ser responsável por dar a destinação adequada. Hoje, 33% do que o Saae BM coleta, por dia, são oriundos de grandes produtores. Estamos pagando uma conta que não é nossa”, argumentou o prefeito.

O prefeito convidou os membros do CODEC BM para conhecerem projetos de coleta de resíduos em Curitiba e Florianópolis, municípios considerados referência no país. “O descarte de lixo é preocupante e temos que nos envolver nessa questão que é não só ambiental, mas também ligada ao desenvolvimento. Vamos montar um grupo de trabalho dentro do CODEC BM para tratar dessa questão junto à prefeitura”, garantiu o conselheiro Luiz Antônio Roxo, que representa a Sociedade Médica de Barra Mansa no conselho.

As obras de remoção do pátio de manobras, paralisadas a mais de dois anos, também foram pauta da reunião. De acordo com o prefeito, o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) e o TCU (Tribunal de Contas da União) já deram o aval para o pagamento das indenizações às famílias que residem às margens da ferrovia e terão suas casas atingidas pela obra. “A previsão é que sejam liberados, ainda neste semestre, R$ 9,8 milhões para o pagamento das indenizações, a finalização das obras do viaduto da Barbará e a construção da ponte metálica sobre o Rio Barra Mansa”, informou Drable.

O presidente do CODEC BM destacou a necessidade de revisão no projeto de tráfego alinhado às obras de remoção do pátio. “O projeto inicial prevê o fechamento das passagens em nível. Defendemos que essa posição seja revista, uma vez que isso vai causar problemas na fluidez de veículos e pedestres”, defendeu Arivaldo Corrêa Mattos.

Ao final do encontro, Arivaldo agradeceu a receptividade do prefeito e cobrou a criação do CODEC BM por meio de legislação municipal. “Já temos a minuta inicial do projeto de lei aprovada pelos Conselheiros. Estamos acertando apenas algumas questões e pretendemos entregá-la ao Executivo ainda este mês para avaliação”, finalizou o presidente do CODEC BM. 

--