English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

quarta-feira, abril 05, 2017

Prefeitura de Volta Redonda estuda parceria com AgeRio


Cooperação técnica com Agencia Estadual de Fomento ajudará na implementação de Parcerias Público-Privadas na cidade

Secretários municipais e representantes de autarquias da Prefeitura de Volta Redonda se reuniram na manhã desta quarta-feira, dia 5, com uma equipe da Agência Estadual de Fomento do Rio de Janeiro (AgeRio). De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Volta Redonda, Joselito Magalhães, o encontro serviu para o secretariado conhecer a estrutura que a agência tem disponível para os municípios.

“Especificamente nessa reunião, falamos sobre o microcrédito e sobre as parcerias público-privadas (PPPs). Em relação a qualquer dessas frentes, vai ser feito, entre a agência e o governo municipal, um contrato de cooperação, para que possamos capacitar todos os nossos setores na questão das PPPs. E a partir dessa capacitação, a gente começa a identificar uma matriz de projetos para serem desenvolvidos daqui em diante”, explicou Joselito, acrescentando que será criada uma comissão interna de PPPs na prefeitura para receber essa capacitação e participar na definição dos projetos.

A superintendente de Operações com o Setor Público da AgeRio, Ivoneide da Silva Veríssimo, afirmou que a agência está à disposição para ajudar no que for preciso. “A AgeRio atua junto aos municípios na estruturação de PPPs, oferecendo capacitação e instrução no que pode ser feito”.

Também participaram do encontro os secretários municipais de Meio Ambiente, Alfredo Peixoto; e de Fazenda, Norma Chaffin; além do ouvidor geral Luiz Sergio Teixeira e o gestor do Banco da Cidadania, Carlos Baía.