English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
ESTOU AO VIVO TODOS OS SÁBADOS DE 6:00H DA MANHÃ ÁS 9:00H DA MANHÃ NA RÁDIO LÍDER 90,1 FM.

VOCÊ É MEU CONVIDADO, ENTRE EM CONTATO PARA PARTICIPAR GRATUITAMENTE DO PROGRAMA ZAPPEANDO. DIVULGUE O TRABALHO QUE VOCÊ REALIZA EM SUA IGREJA, BAIRRO OU ENTIDADE REPRESENTATIVA! CHAMAR NO ZAP (24) 9 .9967-2456

sábado, junho 10, 2017

Prefeitura de Volta Redonda presta contas em audiência pública

Prefeitura de Volta Redonda presta contas em audiência pública
Equipe das secretarias de Planejamento e de Fazenda apresentaram resultados financeiros na câmara de vereadores

Em cumprimento à Lei de Responsabilidade Fiscal e seguindo o Plano de Governo do prefeito Samuca Silva, que preza pela transparência em suas ações, uma equipe da Prefeitura de Volta Redonda realizou na manhã desta sexta-feira, dia 9, em audiência pública no plenário da Câmara de Vereadores, uma prestação de contas dos quatro primeiros meses de governo, em relação às metas fiscais que foram estabelecidas. De acordo com o secretário de Planejamento, Julio César Andrade, a audiência é importante para que o plano avance.

“Esse foi um ato muito importante. Até então, a gente não tinha esse tipo de prática no município, de utilizar, por exemplo, a Câmara de Vereadores, que é a casa do povo, para realizar esse tipo de evento”, disse o secretário, que estava acompanhado do diretor do setor de Orçamento e Controle da secretaria de Planejamento, Paulo César Coutinho, e do diretor financeiro da secretaria de Fazenda, Claudionor de Souza.

Durante a audiência, foram apresentados os valores das Receitas e Despesas Primárias realizadas no 1º Quadrimestre de 2017, o valor do Resultado Primário, e a comparação com os valores que foram previstos na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2017.

Também foi mostrada uma comparação com o 1º Quadrimestre de 2016, ressaltando a relativa estabilidade dos valores, além dos motivos de a receita ter sido abaixo do previsto, principalmente pela contínua queda de arrecadação do ICMS, que é um imposto estadual e o Estado do Rio ainda enfrenta problemas fiscais.

Samuca ressaltou a importância da transparência no setor público. "A população está vendo a mudança na transparência da gestão. Temos uma boa capacidade de arrecadação que, apesar de menor, está sendo bem tratada. Pegar o município com tantas dívidas e problemas e conseguir administrar e manter os serviços em dia é prova da qualidade da administração", disse o prefeito.

Dentre aqueles que pediram mais informações, estava Nelicleide Morena da Costa, que faz parte da direção da Associação de Amigos do Bairro Barreira Cravo, e elogiou a prestação de contas do poder público. “Foi mostrada a boa vontade de responder e tirar nossas dúvidas. E como vai ser disponibilizado no site da prefeitura para todo mundo ter conhecimento, é muito interessante e necessário que as pessoas tenham o compromisso de acompanhar de perto. Quando isso acontece, a gente pode sugerir, cobrar, questionar e tirar as dúvidas. Quando você não está presente, se omite, apenas critica sem ter um fator relevante e autêntico”, comentou Nelicleide.

“Esse foi o primeiro e acredito que nos próximos a gente tenha, inclusive, mais participação das pessoas, mais associações e entidades da sociedade civil participando”, concluiu o secretário Julio César Andrade.

Plano de Governo – Com o slogan “Prefeitura de Volta Redonda - Um Governo que Cumpre!”, a administração municipal já realizou muitas mudanças propostas no Plano de Governo que, como forma de transparência, foi registrado em cartório e está disponível no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para acompanhamento e consulta de cada cidadão.

O plano conta com mais de 100 ações previstas que visam reestruturar a administração financeira municipal, reorganizar operacionalmente a máquina administrativa e tornar os serviços públicos mais eficientes. Cada uma delas está sendo executada com base em muito diálogo e análise. Até o momento, o Governo Municipal já concluiu 10% do plano e tem iniciados 39,1%.